Portugues Inglês Español
Clique para Voltar a Home
Busca:
Facebook Twitter You Tube Intagram
Selecione uma de nossas técnicas

 

  Introdução

 

  Obras de Arte

 
  Datas Comemorativas

         • Dia da Pátria
 

  Projetos

 

  Jogos e Brincadeiras

 
Manual do educador
Clique para baixar o manual
Clique aqui para baixar o manual
Clique para baixar o manual
Clique aqui para baixar o manual
Clique para baixar o manual
Clique aqui para baixar o manual
 
Clique para baixar o manual
Clique aqui para baixar o manual
 
Clique para baixar o manual
Clique aqui para baixar o manual
 
 
Veja mais técnicas
para educadores
 
Educador(a), entre em contato conosco
através do email:educador@acrilex.com.br
Você está em: Home > Educadores > Edição 10 > Datas Comemorativas
Voltar
Datas Comemorativas

Dia da Pátria

O Brasil foi descoberto por Portugal em 1.500 e tornou-se colônia daquele país por muitos anos. Como colônia, tinha que acatar o “pacto colonial”, o qual dizia que a colônia deveria obedecer à metrópole (Portugal), sem restrições.

O Brasil não podia fazer nada por conta própria, como leis, escolher governantes ou vender mercadorias para outros países, isto é, não podia tomar nenhum tipo de decisão. Era a época do imperialismo.

Em 1789, em Vila Rica, Minas Gerais, existiam incontáveis minas, de onde eram extraídas muitas toneladas de ouro. Os portugueses, sabendo dessa produção, inventaram um imposto, “o quinto” que obrigava os mineradores brasileiros a enviarem um quinto do ouro extraído durante o ano para Portugal. Quando o ouro começou a diminuir, ficou quase impossível pagar esse imposto.

Nessa época, todos queriam a independência do Brasil e queriam também que nosso país passasse a ser uma república, com a capital em São João Del Rei, cidade de MG. Outra idéia desse grupo de rebeldes era desenvolver indústrias no país, para que o Brasil não dependesse mais dos produtos europeus. Na época, não havia nenhuma universidade no Brasil e o objetivo era construir a primeira universidade brasileira em Vila Rica. Pensavam em estabelecer o serviço militar obrigatório e estimular a natalidade.

A corte de Portugal exigia a volta de D. Pedro I. Há tempos, os portugueses insistiam nessa idéia, pois pretendiam recolonizar o Brasil e a presença de D. Pedro impedia este ideal. D. Pedro responde à corte que não voltaria e proclamou: “Se é para o bem de todos e felicidade geral da nação, diga ao povo que fico”.

D. Pedro convocou a Assembléia Constituinte, organizou a Marinha de Guerra, obrigou as tropas de Portugal a voltarem para o reino. Determinou também que nenhuma lei de Portugal seria colocada em vigor sem o “cumpra-se”, isto é, sem sua aprovação. Além disso, o futuro imperador do Brasil, conclamava o povo a lutar pela independência.

D. Pedro estava em viagem de Santos para São Paulo, quando recebeu outra carta de Portugal que anulava a Assembléia Constituinte e exigia a volta imediata dele para a metrópole. Próximo ao riacho do Ipiranga, levantou a espada e gritou: “Independência ou morte”. Isso aconteceu no dia 7 de setembro de 1822. D. Pedro foi declarado Imperador do Brasil, portanto todos os anos, neste dia é comemorado o Dia da Pátria.



“O grito do Ipiranga” – Pedro Américo – 1888 



Independência da Turma – Maurício de Souza - 200

Atividades: Confeccionar mosaico, pintar relógio, móbile, caixinhas ou personalizar objetos de uso cotidiano com verde e amarelo.

Objetivos:
 a) Conhecer a história do Brasil, do Descobrimento até o dia da Independência 7 de Setembro – “Dia da Pátria”.
 b) Aprender a cantar o Hino Nacional e entender sua importância para os brasileiros. Analisar a Bandeira Brasileira e o significado de suas cores.
 c) Expressar-se de forma criativa confeccionando diferentes mimos utilizando as cores do Brasil.

Atividade 01 – Pintura em madeira – Verde e Amarelo

Material: caixinha de MDF, Tinta Acrílica fosca em dois tons, pincel, Big Canetas Hidrocor amarela, etiquetas adesivas (bolinha) e Tinta Confetti.

Modo de fazer:
 a) Pinte a caixinha de MDF com Tinta Acrílica fosca com verde mais claro. Coloque pouquíssima Tinta Acrílica fosca verde mais escura na ponta do pincel e passe delicadamente sobre a caixinha. Ficará com manchas listradas. Espere secar.
 b) Pinte as etiquetas adesivas (bolinhas) com a Big Canetas Hidrocor amarela. Cole-as na caixinha, menos na tampa.
 c) Passe Tinta Confetti dourada na tampa da caixinha e espere secar.



Atividade 02 – Relógio Mapa do Brasil – Tinta Acrílica e Crystal cola

Material: papelão Paraná, Tinta Acrílica fosca (verde, amarela, azul e branco, Crystal cola verde (Glitter) e azul (Metallic), números de metal de 01 a 12 e relógio (máquina, pilhas e ponteiros).

Modo de fazer:
 a) Recorte no papelão Paraná o mapa do Brasil. Nele risque o losango e o círculo que formam a Bandeira do Brasil.
 b) Pinte as partes de verde amarelo, azul e branco com a Tinta. Espere secar.
 c) Com Crystal cola verde e azul faça pontinhos, linhas ou formas (relevo). Espere secar.
 d) Cole os números de 01 a 12 para formar o relógio.
 e) Fure o centro do mapa do Brasil e encaixe o relógio por trás e os ponteiros pela frente.



Atividade 03 – Mosaico Verde e Amarelo – EVA, Crystal cola e Cola de EVA

Material: Eva verde e amarelo, Cola para EVA, Crystal cola verde e amarela, régua, tesoura e lápis.

Modo de fazer:
 a) Recorte retângulos verdes e amarelos em EVA (Sugestão – 20cm x 15cm).
 b) De para cada criança um retângulo verde ou amarelo. Para a criança que recebeu o retângulo amarelo, dê um pedaço de EVA verde e, a criança que recebeu o retângulo de EVA verde, dê um pedaço de EVA amarelo.
 c) Sugira um tema para que as crianças façam seus trabalhos, “Belezas do Brasil”, por exemplo. As crianças irão recortar o EVA e colar sobre o retângulo. Deverão esperar secar e, depois, dar os acabamentos com Crystal cola verde ou amarela.
 d) Para finalizar, junte todos os trabalhos e monte um mosaico verde e amarelo.





















Atividade 04 – Caderno Personalizado – Tinta Acrílica e Crystal cola

Material: caderno ou agenda, Base branca acrílica para artesanato, Tinta Acrílica fosca verde e amarela, Crystal cola verde e amarela, cartolina, tesoura e lápis.

Modo de fazer:
 a) Tire o espiral do caderno e pinte as capas com Base branca acrílica para artesanato. Se achar que é necessário dê uma segunda demão depois que secar a primeira.
 b) Peça aos seus alunos que desenhem as letras que compõem o nome delas. Eles deverão recortar as letras e montar uma composição na capa do caderno. Riscar.
 c) Pintar as letras e o fundo em verde e amarelo com a Tinta Acrílica fosca.
 d) Contorne com Crystal cola verde ou amarela e complete o trabalho ao seu gosto com texturas e relevo.
 e) Recoloque o espiral no caderno.



Conteúdos trabalhados:
 - Datas Comemorativas – “07 de Setembro – Dia da Pátria” - História
 - Hino Nacional Brasileiro e Bandeira Brasileira
 - Valores pátrios
 - Linhas, formas, cores, sobreposição, composição, proporção, textura, harmonia

Técnicas trabalhadas:
 - Pintura e colagem (Atividade 01)
 - Pintura em sucata e montagem (Atividade 02)
 - Recorte e colagem em EVA e montagem (Atividade 03)
 - Pintura com textura e relevo (Atividade 04)

Possibilidades de trabalho:
 - Pergunte aos seus alunos o que eles sabem sobre o “Dia da Pátria” e porque ele é comemorado no dia 07 de setembro. Conte um pouco da história do descobrimento do Brasil e da colonização pelos portugueses até o Dia do Fico.
 - Relembre o Hino Nacional Brasileiro e fale da importância de cada cidadão conhecer o hino do seu país e saber cantar. Cantem juntos o Hino Nacional.
 - Fale da Bandeira Brasileira, o significado das cores, época que foi criada, as formas geométricas que ela tem e o que ela significa.
 - Fale sobre as cores que representam cada país e que apesar que termos as quatro cores na nossa bandeira (azul, branco, verde e amarelo), as cores que representam o Brasil são o verde e amarelo.
 - Peça que realizem atividades com as cores do Brasil.
 - Exponha os trabalhos e chame os pais para compartilharem com os filhos. Nota: É importante que não tenha um “modelo” exposto para que o aluno copie. Deixe que seu aluno faça do seu próprio jeito.

Observação: Para saber sobre as demais Datas Comemorativas consulte os livros “Comemorando e Aprendendo” I, II, III e IV de Ivete Raffa – Editora Giracor.

Dicas: 
 1. Atividade 01 - Ao invés de utilizar etiquetas de bolinhas, a criança poderá pintar o papel de amarelo e recortar formas geométricas, letras, etc.
 2. Atividade 02 – Aproveite a confecção do relógio para trabalhar o tempo (horas, minutos, segundos).
 3. Atividade 03 - A Cola para EVA não é instantânea, para utilizá-la passe pouca cola e cole sobre a base de EVA. Espere secar e só depois trabalhe com a Crystal cola. Para montar o mosaico é importante que se tenha o número de trabalhos com base amarela e verde iguais.
 4. Atividade 04 – Deixe que as crianças criem as letras do próprio nome, não dê molde. Sugira na lousa, letras que lembram salsichinhas, letras que lembram palitos de sorvete ou outros tipos.

Ivete Raffa
Arte educadora e pedagoga
www.iveteraffa.com.br